domingo, 27 de novembro de 2016

Análise da taxa de desemprego no mundo

Prosseguir com as altas taxas de desemprego em todo o mundo e o infinito indefesos trabalho em muitas subidas e criação de economias ainda estão a influenciar profundamente o universo do trabalho, adverte outro relatório da OIT.

O último número de desemprego em 2015 é avaliada para permanecer no 197.1 milhões e, em 2016, é estimar a subir por cerca de 2,3 milhões para atingir 199.4 milhões. Um extra de 1,1 milhões de desemprego provavelmente será adicionado para o mundial de contagem, em 2017, conforme indicado pela OIT, do Mundo Social e de Emprego Outlook – Tendências de 2016 (WESO).

Economias em ascensão 

A taxa de desemprego para criar diminuições nas economias  de 7,1 para cada centavo em 2014, para 6.7 por cada centavo em 2015. Como uma regra, seja como for, essas atualizações não eram adequados para dispensar o emprego intersticial, que se elevava como uma repercussão do mundial monetária de emergência.

Além disso, o ponto de vista dos negócios tem agora debilitado em ascensão e a criação de economias, notadamente no Brasil, a China e o petróleo-a entrega das nações.

A fragilidade  monetária ambiente conectado com o imprevisível fluxos de capital, ainda quebrado orçamental mercados e a deficiência de todo o mundo solicitação de manter-se em afetar as empresas e prejudicar o empreendimento e ocupação criação

Os tópicos que desencadeiam uma crise são a inflação que é a dificuldade de controle da demanda do mercado e o desemprego. As taxas precisam se estabilizar para que o Estado não deixe de pagar as suas contas, as empresas quebrem por não conseguir manter sua produção ou funcionários e o mercado externo passe a não ter mais motivos para confiar na economia do país.

Os gastos com seguro desemprego podem começar a ficar difíceis de manter para o país, mas é de tamanha importância que ele se sustente. Pois numa crise econômica é muito fácil relegar os direitos sociais e com isso sucatear o país.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário